A invasão gramscista da banca examinadora do concurso do Ministério Público Federal

A última prova do ENEM, dominada pela doutrinação marxista, gerou enorme polêmica com a questão grotesca sobre ideologia de gênero que afirmava que “a mulher não nasce mulher”, o que causou a ira da população. O Promotor de Justiça de Sorocaba/SP Jorge Marum foi um dos que se inconformaram com a situação e satirizou nas

Rafael é autodidata. Não gosta de normas da ABNT. Não reconhece, nem valida o MEC. Não quer saber da nova ortografia.

Leia mais...